07/06/2008

Fábrica de Jogos de Junho


12-04-08_1143
Upload feito originalmente por bitocas


Este post é muito sintético porque se destina a servir de memória a quem esteve neste encontro de trauteadores.

O sítio melhor para conhecer estes jogos e muitos outros será na Feira de Jogos que irá decorrer no dia 28 e 29 de Junho de 2008.

Estivemos:
Gabriel Soares
Irene Meireles
São Carvalho
Henrique Almeida
estiveram também dois amigos jovens (lembrem-me o nome)

Jogamos e adaptamos:
Abaca, jogo de memória musical, no original e com uma variante circular
Fuga e mistério com 2 e 3 jogadores em simultâneo
Músicos Intrometidos com Desfiles Cruzados como "jogo intrometido"
Acção Som com profissões maestrinas
3 é conta certa com exploração de algumas estratégias
2 e Vira que derivou para uma exploração empolgante de ritmos com objectos dançarinos

Nota: Se participaste nesta fábrica de jogos e notas que falta algum jogo indica qual.


Conceitos soltos:
Adaptação dos jogos a outras artes ou áreas.
A importância das estratégias no resultado do entusiasmo e qualidade do jogo.
Direcção, maestro ou compositor distribuido.

2 comentários:

gabriel disse...

Então...falta o magnífico jogo dos copos que os resistentes jogaram no fim :D

BitOcas disse...

Faltaram foram os copos com algo fresco, com o calor que se tem sentido, fazer jogos de copos com frascos fechados não dá, hehehe...
a coreografia era outra.

Bem, sem ironias

Não fala dos copos mas fala de uma "exploração empolgante de ritmos com objectos dançarinos"

É engraçado como cada um chama sempre coisas diferentes ao mesmo acontecimento.

Isso porque passamos p'raí uma hora de experimentação sem falar e talvez meia hora diluida de palavras como "E se for assim..."" agora mais rápido""e se acrescentássemos" etc. poucas ideias simples e muita experimentação. Talvéz por isso que tenha sido tão divertido.